Arquivo da categoria: reflexão

Forças na Vida

O que eu diria para mim mesmo com 15 anos?
Diria para relaxar um pouco mais… Que tudo ficará bem…
Porque o que eu sempre quis era relaxar…

Mas não é…
A vida é difícil…
E, por mais que você tenha pais, irmãos, amigos….
Você está sozinho!

Sua vida depende do seu esforço!
Da sua competência e sorte…
Da sua batalha diária…

Podem dizer que você têm amigos…
Pais que te amam…
Até uma boa namorada…
Não importa muito…
Você está sozinho!

Torço para que seus pais te dêem condições de estudar…
Casa, comida…
Que você não precise se preocupar com isso por enquanto…
Para que você possa se focar no seu crescimento… e não ainda no seu sustento!

Que eles te dêem condições para tentar…
Apenas tentar ter sucesso na vida.
Nada garantido…

Passou-se os anos…
O sucesso chegou…
Minha ansiosidade com o inesperado diminuiu…
Sinto mais sereno…

Mas a luta ficou…
Como se o fardo de ter lutado sozinho se manteve…
É o peso da luta…

É um lutador exausto…
Que precisa descansar…
E como se descansa destes anos?

É como um velho…
Sem mais tanto ânimo…
Exauriu…

Como obter algo que já se foi?
Um velho pode voltar a ter a força de um jovem?

Deixe um comentário

Arquivado em reflexão

Binário

Em discussões, procuramos quem está certo.
Lembro do filme “Pânico”…

Prendeu-se o assassino para logo depois solta-lo…
Soltaram porque, mesmo preso, os assassinatos continuavam…
Não pensaram na possibilidade de dois assassinos.

Discutimos quem está certo quando, na verdade, ambos podem estar acertando…
Muitas vezes a discussão não é certo e errado, mas prós e contras…
Baseia-se na quantidade de prós e contras de cada idéia…

Para ser sincero, existem prós mais importantes que outros…
Duas vantagens podem ser mais importantes que dez pequenas vantagens…

Não é certo e errado…
Não é quantidade…
As discussão estão muito longe de serem binárias…

Deixe um comentário

05/06/2012 · 20:09

Em tempos de não se ter tempo…


Dima Schukan em Green Day – Basket Case

Em tempos de não se ter tempo…
Admira-me a leveza das pessoas…
Em levar a vida…

Admira-me a “ausência” de problemas…
O estado inerte em relação aos caos ao redor…

A paciência…
A neutralidade em relação às coisas…

Ao meu redor…
Minha cabeça anda a mil…

Gostaria desta sabedoria…

Trecho da música no vídeo…

“Você tem tempo para me ouvir choramingar?
Sobre nada e tudo ao mesmo tempo?
Eu sou um desses idiotas melodramáticos…”

Green Day – Basket Case

1 comentário

11/05/2012 · 22:05

Verdade ou Mentira?

Os invejosos querem te destruir…
Mas qualquer crítica, por parte deles a você, pode ser dígno de troco…

Os invejosos utilizam o único meio de destruição possível: A verdade de dois pesos!
A única crítica liberada…

É o elogio contido…
E a crítica escrachada…
É também a inveja contada em piadas…

Afinal, os invejosos nunca terão argumentos para criticar claramente àqueles que eles mesmos admiram!
Criticar claramente os defeitos destes é, ao mesmo tempo, se autocriticar por nunca tê-los alcançado…

A única crítica liberada é falar a verdade…
A verdade medida…

Elogiar…. mas sem confetes…
Criticar… com bombas os pequenos defeitos…

Tomem cuidado as verdades…

Complemento: https://whiteonwhite.wordpress.com/2009/09/27/genialidade/

Deixe um comentário

Arquivado em reflexão

Ego

O problema do mundo é o ego!
Um querer parecer mais que o outro.

Ou tem conflito…
Ou um baixa a bola para não brigar!

Um orgulho parece ser confiança.
Mas é quando se vê dois orgulhos é que se percebe que é o caos.

1 comentário

Arquivado em reflexão

Comunicado

Pessoal!

O blog está ativo!
A falta de atualização é devido a falta de inspirações, pois não quero publicar por publicar…
Então voltarei a publicar assim que o tempo estiver livre e a mente mais sossegada…

Obrigado pela compreensão!

Abraços!

Deixe um comentário

Arquivado em reflexão

O Sofrer

Um deficiente físico se deprimi por não poder caminhar, por não poder correr…
Um pobre sofre, por não poder usufruir de um pouco de conforto…

Mas existem deficientes físicos que se superam…
Que são felizes….

E existem pobres mais felizes que ricos…

Eu, sinceramente, vejo que o sofrimento é mais psíquico do que físico…
O sofrimento está na mente…

E é por isso que eu não entendo o porquê que se preocupam tanto com a tristeza do deficiente…
Com a tristeza do pobre…
E tão pouco com o depressivo…

A tristeza do deficiente é compreendida…
A pobreza também…
Mas nunca a depressão e o suicídio…

A depressão é bobagem…
O suicídio é coisa de covarde…

Mas, voltando ao caso…
Se o problema está na mente de cada um…
Não deveríamos então dar mais valor àqueles que tem o problema na mente?

Deixe um comentário

Arquivado em reflexão